King of Palms explora prestígio da Amazônia e ganha o mercado externo

  Flávia Pinho   Três décadas e meia atrás, quando o economista Claudio Guimarães, 65 anos, comprou a King of Palms, a empresa familiar não passava de uma pequena indústria de conservas com uma fábrica no Rio de Janeiro e outra no Paraná. “Meu interesse foi despertado porque os donos já exportavam”, conta o empreendedor.Continuar lendo “King of Palms explora prestígio da Amazônia e ganha o mercado externo”