‘Só me faltava essa!’, afirmou Dilma ao saber de entrevista

Ao tomar conhecimento da entrevista do ex-ministro da Defesa Nelson Jobim à revista Piauí, a presidente Dilma Rousseff (PT) ficou indignada e reagiu: “Só me faltava essa! Mas ele falou mesmo que tem trapalhada no governo, que a Ideli é fraquinha e que a Gleisi não conhece Brasília?”, perguntou Dilma aos auxiliares, numa referência a Ideli Salvatti (Relações Institucionais) e a Gleisi Hoffmann (Casa Civil). Diante da resposta positiva, ela ordenou: “Me consigam essa entrevista”. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Por volta das 12h30, a entrevista chegou ao gabinete da presidente. Ela ficou furiosa com o que leu e, pouco depois, chamou os mais próximos para um almoço. À mesa com Gleisi, Ideli, Helena e Carvalho, a presidente conversou sobre a “situação insustentável” de Jobim, com quem ainda não tinha falado. Após o almoço, a presidente ligou e mandou Jobim retornar e disse: “Ou você pede para sair ou eu saio com você”. Além das palavras do ministro em relação às mulheres, o que mais contrariou Dilma foi não ter sido alertada por Jobim sobre as declarações.

A demissão de Jobim

O ministro da Defesa, Nelson Jobim (PMDB), entregou sua carta de demissão à presidente Dilma Rousseff no dia 4 de agosto. Sua situação se tornou insustentável no governo após declarações dadas à revista Piauí em que teria considerado a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti, “muito fraquinha” e dito que a ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, “sequer conhece Brasília”. Jobim negou ter feito as críticas e disse que as informações seriam “parte de um jogo de intrigas”. Mas, segundo fontes, Dilma já havia decidido demitir o ministro caso ele não abandonasse o cargo por conta própria. Para seu lugar, a presidente escolheu o ex-ministro das Relações Exteriores Celso Amorim.

A situação de Jobim à frente da pasta já vinha se deteriorando por outras declarações à imprensa que geraram mal-estar no governo. Em uma entrevista, ele afirmou ter votado no tucano José Serra, principal adversário de Dilma, nas eleições presidenciais do ano passado. No início de julho, em uma cerimônia em homenagem ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) – de quem ele foi ministro da Justiça entre 1995 e 1997 – no Senado Federal, ele citou o dramaturgo Nelson Rodrigues dizendo que “os idiotas perderam a modéstia”. A fala foi interpretada como uma insatisfação do ministro com sua situação no governo. Mais tarde, contudo, ele disse que se referia a jornalistas.

FONTE: http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5281380-EI7896,00-So+me+faltava+essa+afirmou+Dilma+ao+saber+de+entrevista.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: