Mortes no Rio de Janeiro são destaque na imprensa internacional

Existem assuntos que jamais gostaríamos de abordar. Mas infelizmente, em situações de grande destaque e repercussão internacional, cabe uma pequena nota. Uma publicidade que o Estado do RJ não precisaria, uma situação até então inédita no Brasil e o próprio mundo vê com espanto.  Entre tantos outros que já aconteceram nos outros países, nos deixa mais angustiados com a proximidade.

Enfim, vale o resistro…

Brasil – Incidentes semelhantes já foram registrados no exterior, nunca no Brasil

O incidente na Escola Municipal Tasso da Silveira, no bairro de Realengo, zona oeste do Rio de Janeiro, ganhou destaque em jornais online e canais de TV de vários países.

A notícia começou a ser veiculada em sites internacionais pouco depois do início da transmissão do incidente pela televisão brasileira.

O jornal americano The Wall Street Journal afirmou que a tragédia “chocou a sociedade tradicionalmente familiar do Brasil, onde a violência contra crianças é rara. A escola fica em Realengo, no oeste de uma cidade conhecida por suas praias e belezas naturais”.

O The Washington Post relatou que “pais aterrorizados correram para a escola e imagens de televisão os mostravam chorando e gritando, pedindo informações sobre seus filhos”.

o diário britânico The Guardian publicou em sua página na internet a entrevista com um bombeiro que estava no local, Roni de Macedo, na qual ele afirmou que “é um massacre, é um verdadeiro massacre. Há sangue nas paredes, sangue nas cadeiras”.

Reação de Dilma

O espanhol El País destacou a reação de Dilma Rousseff, que “interrompeu um ato público de que participava no Palácio Presidencial e, visivelmente emocionada, pediu um minuto de silêncio ‘para estas crianças que perderam suas vidas e seus futuros'”.

O jornal também levanta questões ligadas ao atirador e suas motivações. “Uma das perguntas dos investigadores é por que o assassino, que estava vestido com uma camiseta verde e calças pretas, quase como um militar, matou nove meninas e apenas um menino e, contra quase todos, disparou contra a cabeça e contra o tórax.”

O francês Libération ressaltou na internet o fato de a maioria dos mortos ser meninas e descreveu como a polícia teve que isolar a área da escola para conter “a multidão de vizinhos e familiares que buscavam informações sobre seus filhos. Algumas mulheres choravam”.

O jornal italiano Corriere Della Sera noticiou o incidente e também o que chamou de “o choro de Dilma” Rousseff, destacando a homenagem da presidente aos “‘brasileirinhos’ que perderam a vida cedo demais”. O diário afirmou que a escola Tasso da Silveira em Realengo “foi criada há 40 anos em um bairro misto, residencial e com favelas, nos subúrbios na zona oeste do Rio. O instituto também recebe estudantes portadores de deficiências”, afirmou o jornal.

Galeria de fotos

O argentino La Nacion destacou as declarações do coronel Djalma Beltrami, comandante do 14° batalhão de Bangu, responsável pelas operações policiais na região, que “garantiu que Oliveira deixou uma carta de suicídio que, segundo suas palavras, ‘não tem lógica'”.

A revista americana Life, por sua vez, divulgou em seu site uma galeria de fotos do local, mostrando os pais reunidos em frente à escola, a operação da polícia, o resgate das vítimas e a foto do atirador.

A rede de televisão americana Fox News destacou que “um hospital improvisado foi montado em um campo de futebol para das os primeiros socorros às vítimas antes de levar os casos mais graves para o hospital”.

Outro canal de TV americano, a CNN, descreveu em seu site como o atirador foi atingido pela polícia antes de cometer suicídio. O canal também falou sobre a reação da presidente Dilma Rousseff e noticiou o pedido, via Twitter, do Instituto de Hematologia do Rio de Janeiro, para doações de sangue.

Fonte: http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2011/04/110407_escola_rio_press_review_fn.shtml

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: