Infraestrutura: quem precisa do trem-bala?

A revista Exame de 20/08/2010 traz uma reportagem muito interessante e nos faz refletir sobre o investimento destinado à possível construção do trem-bala, no eixo Rio-SP. São 40 bilhões de reais envolvidos, leia um trecho abaixo:

Maria dos Anjos e o Brasil real

Maria dos Anjos Pires da Silva é parte de um país real. Acorda antes das 4 horas da manhã, toma três ônibus lotados. Chega ao trabalho mais de 2 horas e 37 quilômetros depois. Maria dos Anjos trabalha 6 horas por dia e gasta 7 no trânsito. A renda de sua família é de 1 500 reais por mês, o que a coloca no pelotão da classe C emergente. Maria dos Anjos está feliz com as conquistas materiais dos últimos tempos, mas, aos 58 anos de idade, espera por dias melhores na área de saúde, na escola dos filhos e no sistema público de transporte que transforma sua rotina em calvário. “Sinto orgulho em saber que o Brasil pode ter novas tecnologias, como o trem-bala, mas quem decide para onde vai o dinheiro precisa lembrar que nós existimos. Por que eu tenho de andar nisso aqui?”, disse Maria dos Anjos à editora Alexa Salomão, que a acompanhava no trajeto de casa ao trabalho. A brasileira Maria dos Anjos faz uma pergunta de simplicidade desconcertante. A questão é o ponto de partida para a reportagem sobre a contradição entre o projeto do trem-bala brasileiro e a realidade das grandes cidades do país, paralisadas pelo colapso do transporte público. Nada contra a modernidade, a introdução de novas tecnologias. Mas chama a atenção a forma como o governo elege suas prioridades. Certamente, não é olhando para o dia a dia de milhões de cidadãos como Maria dos Anjos, que necessitam de ônibus, metrô, ruas e avenidas e que talvez jamais precisem ou queiram entrar num trem de alta velocidade de 40 bilhões de reais.

Espera-se que, às vésperas do início de novos governos, os candidatos façam suas escolhas pelo Brasil real, e não por um país imaginário.

Fonte:  Alexa Salomão, de EXAME

http://portalexame.abril.com.br/revista/exame/edicoes/0974/brasil/quem-precisa-trem-bala-589649.html?page=4

Um comentário em “Infraestrutura: quem precisa do trem-bala?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: